5 chaves fundamentais para entender as mulheres [não ignore a #03]

Entender as mulheres parece uma tarefa quase que impossível para nós, homens héteros.

Simplesmente, às vezes não entendemos nada sobre o que estão falando, não conseguimos prever suas reações e somos incapazes de vislumbrar o que passa por suas cabeças.

Mas, será tão difícil e tão complicado entender as mulheres? A veterana psicóloga norte-americana Barbara Markway acredita que não é impossível entendê-las.

Nesse artigo, trago 5 Chaves que nos ajudarão a entender as mulheres e saber o que elas querem dos homens. Sua prática é fundamental.

Está preparado? Vamos ao conteúdo!

Boa leitura! 😉

Como entender as mulheres?

Se por acaso ficou alguma dúvida sobre como entender as mulheres, me envie uma mensagem no final.

Chave #05: Elas precisam de proximidade

As mulheres precisam que seu relacionamento seja estável.

Após um período de separação (mesmo que seja apenas um dia), tente restabelecer a proximidade logo que possível.

Elas precisam saber que você está lá. Isso não significa que você precisa deixar suas próprias necessidades, mas você não deve ignorar as demandas delas.

Chave #04: Se você não sabe o que ela quer, pergunte

Muitas vezes nossa parceira se comporta estranhamente.

Sabemos que algo está errado, mas não podemos adivinhar o que é. A melhor coisa, neste caso, é perguntar.

Evite o clicê “o que há de errado?” (Cuja resposta automática é “nada”, o que realmente significa “tudo”) e, ainda mais, o horrível “o que você está pensando?”

É melhor escolher uma frase do tipo: “Você precisa de algo?” “Você está bem?” “Posso ajudá-la?”

Chave #03: Quando ela não estiver interessada em sexo…

A ideia de que as mulheres estão menos preocupadas com sexo do que os homens é falsa.

Se o sexo não funciona no casal é porque algo está acontecendo, mas não devemos aceitar isso como uma rejeição pessoal e, muito menos, pressionar nossa parceira a fazer amor quando não sente vontade.

Talvez sua parceira esteja bloqueada por um aspecto externo que você não pode controlar, mas você pode ajudá-la a superá-lo.

Como sempre, o importante é que a comunicação não seja interrompida: pergunte, converse e tente entender.

Chave #02: Pense sempre na sua parceira

Embora o trabalho doméstico esteja cada vez mais distribuído entre homens e mulheres, ainda não é tanto quanto deveria ser.

Muitos casais acabaram mal, simplesmente porque ambas as partes estavam muito cansadas para se amarem.

Os horários de trabalho infame que muitas pessoas têm que suportar não são compatíveis com a saúde do casal, mas se as tarefas não estão bem distribuídas, o relacionamento poderá estar condenado ao fracasso.

Sua parceira está exausta? Você assume responsabilidades suficientes no trabalho doméstico? Estas são perguntas que temos que nos perguntar todos os dias.

Chave #01: Permita que ela exprima seus medos

As mulheres não precisam de um homem para resolver seus problemas, mas elas precisam de um parceiro para ouvi-las e apoiá-las.

As mulheres (como os homens) se sentem reforçadas por uma atitude positiva de seus parceiros, o que contribui para o seu bem-estar geral e a realização de seus objetivos.

Chave Bônus: A comunicação 

Como numerosos estudos testemunharam, a comunicação é a base de todas as relações de amor, e as falhas nessa área são a base da maioria das rupturas.

Se não podemos nos expressar livremente, ou temos medo de dizer o que pensamos à nossa parceira, o relacionamento tem seus dias contados.

Tente falar o menos possível, ouça e seja honesto. Embora pareça que as mulheres e os homens se comunicam de maneiras diferentes, falando francamente, sempre chegam a um bom final.

O que achou desse conteúdo? Me conte aqui nos comentários…

Até a próxima, Totti 😉